segunda-feira, 24 de maio de 2010

ANTONIO PRIETO- LA NOVIA

Alguém se lembra desta canção?
Pois eu escuto-a com uma certa nostalgia que me deixa saudoso e com uma enorme vontade de que o tempo volte para trás, até me sentir sentado numa cadeira do Cinema Olímpia a ver,"La Novia".

10 comentários:

Mac Adame disse...

Parece-me que não é do meu tempo. Ou então andava distraído...

Jorge Correia disse...

Esta,tambem é do meu tempo mas,cantada salvo erro
pela cantora italiana GiGliola Cinquenti,(será assim que se escreve?).E deixou saudades.O Amigo é um internauta muito atento.

Fê-blue bird disse...

Deu-me uma saudade :-(( Mas o tempo não volta para trás. Para a frente é o caminho!
Boa semana

Teófilo Silva disse...

Mac Adame: A Noiva (La Novia) é um filme Argentino de 1961, dirigido por Ernesto Arancibia, com António Prieto, Elsa Daniel, Fernanda Mistral, e Vicente Rubino.
Jorge Correia:
O nome está correcto e ela também cantou La Novia.
Fê-blue bird:
A Noiva é realmente uma canção romantica e para quem viu o filme sente saudades de um tempo que já não volta.

polittikus disse...

Lembro-me, pois o meu pai cantarolava isso.
Amigo Teofilo, cinema Olimpia??? Isso na decada de 80/90 dava direito a um rolo da massa no lombo da maria. Infeliamente o esse cinama está completamente degradado...

L.O.L. disse...

Esta confesso que nunca ouvi. Mas nota-se perfeitamente que está carregada de nostalgia

José Silva disse...

Eu cá já conhecia porque ouvi o Sr. Teófilo cantarolá-la algumas vezes.
Tou certo ou errado?

Teófilo Silva disse...

Polittikus:
Não sei como era o Olimpia na década de 80/90 mas nos anos 50/60 era um cinema razoável.
Tinha sessões continuas de dois filmes e com direito a uma ficha de saída, para sair temporariamente para a rua, onde tinhamos ali perto a marisqueira Salmar ou Solmar, já não recordo bem do nome correcto, onde petiscavamos e bebiamos umas cervejolas.

José Silva:
Estás certo.
Isso só prova o que disse acima e que há filmes e músicas que nunca mais se esquece.
Quem não se lembra destes 2 filmes: "Filhos de Ninguém" e o "Anjo Branco".
Havia um Cinema na Rua Barão de Saborosa, que também esqueci o nome, e que estava a passar os Filhos de Ninguém, e como desejava muito ver, entrei e saí pouco depois, porque havia pessoas a chorar de emoção.
Isto dá-nos a entender o quanto Portugal mudou pela negativa depois da entrada desta Democracia que temos. Hoje ninguém se emociona e até escarneavam quem tivesse um coração ainda capaz de ter esse sentimento.

Anónimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ achat viagra
http://commanderviagragenerique.net/ viagra generique
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ viagra acquisto

Anónimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ vente cialis
http://commandercialisfer.lo.gs/ vente cialis
http://prezzocialisgenericoit.net/ cialis generico
http://preciocialisgenericoespana.net/ comprar cialis

About

.